Ministro troca comando da PF; Segovia é substituído por Rogério Galloro

Categoria: Política , Criado em Terça, 27 Fevereiro 2018 18:44, Escrito por Agência Brasil ,
Imprimir

rogerio pf12

Em seu primeiro dia à frente do novo Ministério Extraordinário da Segurança Pública, o ministro Raul Jungmann decidiu mexer no comando da Polícia Federal, substituindo Fernando Segovia por Rogério Galloro no cargo de diretor-geral da corporação. Ex-diretor executivo da PF, Galloro é o atual secretário nacional de Segurança Pública.

Leia mais...


Temer assina MP que cria Ministério Extraordinário da Segurança Pública

Categoria: Política , Criado em Terça, 27 Fevereiro 2018 08:15, Escrito por Agência Brasil ,
Imprimir

temer4541

O presidente Michel Temer assinou hoje (26) a Medida Provisória (MP) que cria o Ministério Extraordinário da Segurança Pública. Mais cedo, a Presidência da República já havia anunciado que o chefe da pasta será o atual ministro da Defesa, Raul Jungmann. A posse de Jungmann será amanhã (27), às 11h, no Palácio do Planalto.

Leia mais...


PF faz operação para apurar irregularidades em obras na Fonte Nova

Categoria: Política , Criado em Segunda, 26 Fevereiro 2018 10:41, Escrito por Agência Brasil ,
Imprimir

Foto meio da mat6992

A Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (26) a Operação Cartão Vermelho para investigar possíveis irregularidades em contratos envolvendo serviços de demolição, reconstrução e gestão do estádio Arena Fonte Nova, em Salvador, na Bahia. Tendo como base um laudo pericial, a PF informou que o caso pode ter resultado em um superfaturamento que, em valores corrigidos, supera R$ 450 milhões.

Leia mais...


Jungmann vai chefiar novo Ministério da Segurança Pública

Categoria: Política , Criado em Segunda, 26 Fevereiro 2018 10:39, Escrito por Agência Brasil ,
Imprimir

raul jugmann

O Palácio do Planalto decidiu remanejar o atual ministro da Defesa, Raul Jungmann, para o comando do novo Ministério Extraordinário da Segurança Pública, que será criado por medida provisória a ser assinada hoje (26) pelo presidente Michel Temer.

Leia mais...


PF cumpre no Rio mandados de prisão por desvio de recursos na Fecomércio

Categoria: Política , Criado em Sexta, 23 Fevereiro 2018 10:31, Escrito por Agência Brasil ,
Imprimir

policia federal

Policiais federais fazem hoje (23) uma operação para investigar desvio de recursos da Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio-RJ). Os agentes cumprem quatro mandados de prisão, sendo um de prisão preventiva e três de prisão temporária. Além disso, há dez mandados de busca e apreensão.

Leia mais...


Lava Jato diz que diretor do DER recebeu propina para aumentar pedágio no Paraná

Categoria: Política , Criado em Quinta, 22 Fevereiro 2018 17:04, Escrito por Agência Brasil ,
Imprimir

nelson der pr

A 48ª fase da Operação da Lava Jato, batizada de Integração, deflagrada nesta quinta-feira  (22), tem, entre os seis presos, o diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem no Paraná (DER/PR), Nelson Leal. As suspeitas são de que o diretor tenha recebido propina da concessionária Econorte, do grupo Triunfo, para aprovar aditivos que resultaram no aumento da tarifa de pedágio cobrada na rodovia que constitui o chamado Anel de Integração.

Leia mais...


STF julgará em março validade do auxílio-moradia para juízes

Categoria: Política , Criado em Quarta, 21 Fevereiro 2018 17:05, Escrito por Agência Brasil ,
Imprimir

predio stf valter campanto agencia brasil 1

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, marcou para o dia 22 de março o julgamento de mérito das liminares que garantiram o pagamento de auxílio-moradia a todos os magistrados do país, incluindo juízes federais, da Justiça Trabalhista, da Justiça Militar e estaduais. O pagamento foi liberado em 2014 pelo ministro Luiz Fux.

Leia mais...


Senado aprova decreto presidencial de intervenção no Rio de Janeiro

Categoria: Política , Criado em Quarta, 21 Fevereiro 2018 08:04, Escrito por Agência Brasil ,
Imprimir

senado plenario

O Senado aprovou, por 55 votos a 13 e uma abstenção, o decreto de intervenção federal no Rio de Janeiro para a área da segurança pública. Com a aprovação da medida pelos deputados e, agora, pelos senadores, o governo federal foi autorizado a nomear um interventor no estado devido ao “grave comprometimento da ordem pública”, como solicitado pelo presidente Michel Temer na última sexta-feira (16).

Leia mais...



Pagina 10 de 49